Roger Schmidt quebra o silencio e revela grande problema que Benfica esta a enfrentar

Na conferência de imprensa de antevisão ao jogo com o Famalicão, Roger Schmidt foi confrontado com a temporada abaixo do esperado que o Benfica tem vindo a protagonizar, sobretudo na Liga dos Campeões.

O técnico encarnado não fugiu à questão e identificou aquilo que considera que tem sido o principal problema das águias.

“Temos sido muito flexíveis no nosso momento atacante e bons na pressão, depois de perder a bola. Coisas que mostrámos na época passada a um nível muito bom. Mas temos de ser mais eficientes. Falhamos demasiadas chances. Se olharmos para as estatísticas, vemos claramente que é esse o tópico em que temos de melhorar nas próximas semanas. Para mim é importante também criar oportunidades, e temo-lo feito”, afirmou.

Na mesma conferência, Schmidt abordou a ausência de Di María, que foi autorizado a prolongar o período de férias na Argentina, para poder estar no casamento da irmã.

“É muito claro que o Nico [Otamendi] está suspenso, está fora. A decisão de dar descanso prolongado a Ángel [Di María] foi uma decisão que tomei há muito tempo, também por razões pessoais. Jogou muitos jogos, não só com o Benfica, mas também com a seleção argentina. Achei que merecia uma boa pausa, vamos ter vários jogos nas próximas semanas. O calendário é exigente, achei por bem dar-lhe um descanso prolongado“, concluiu.


Comments

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *